Adbox

Bolo da felicidade

LightBlog

Amizade,

Já disse aqui antes que nas horas vagas e quando o dinheiro sobra, sou chegado a fazer comida diferente do tradicional arroz com feijão. Como gosto de desafios, parto logo para uma feijoada completa, dobradinha com grão de bico ou feijão branco, nhoque de mandioca, bacalhoada, lasanha tradicional, de mandioca, batatas ou berinjela, cuscuz e assados em geral, de carne bovina, galináceos ou peixes.
Neste momento, o dinheiro não sobra, mas veio-me o desejo de imitar um apresentador de rádio da região, que captei dias atrás, lendo uma receita para os ouvintes. Como tudo que é bom merece ser imitado, achei de bom alvitre copiar o “mestre cuca radiofônico”, embora prefira as receitas lidas aqui na “Voz FM” pela nossa competente nutricionista Celinha Calegari. Assim, depois desse necessário intróito, convoco os ouvintes para que providenciem lápis e papel, a fim de copiar esta receita, que ouvi em um dos nossos bares. Por aí se comprova que os bares têm seu lado positivo porque, se são considerados pelo vulgo como “antros da perdição dos alcoólatras inverterados”, também tem um lado social positivo, porque contribuem para a divulgação da sabedoria popular.
Anotando aí, então, o “Bolo de Felicidade” que, se preparado com carinho e devoção, vai proporcionar grande satisfação para todos. Começando pelos ingredientes:
- uma xícara de amizade
- duas xícaras de compreensão
- uma xícara de paciência
- uma xícara de humildade
- um copo grande transbordando de alegria
- uma pita de bom humor
- uma colher de fermento de personalidade cristã
Providenciados estes ingredientes, começa o preparo do bolo:
- Meça as palavras cuidadosamente
- acrescente a compreensão, a humildade e a paciência, misturando tudo com muito jeito
- use fogo brando, nunca ferva!
- tempera com alegria, o bom humor e a personalidade cristã
- sirva porções generosas, sempre com muito amor
-não deixe esfriar: a temperatura ideal é a do coração
A receita nunca falha. Se alguém não gostar, é porque tem o paladar estragado e precisa consultar o quanto antes um médico chamado “Jesus Cristo”.

(Fartura, 20/07/93)

0 Comentário(s):

    Ainda não há comentários.